8 de fevereiro de 2018

A Grande Ilusão



Faz tempo que queria ler algum livro do Harlan Coben. Houve uma época em que os romances policiais eram os meus preferidos. Dei uma pausa nesse tipo de leitura e agora, depois de alguns anos, esse gênero voltou a fazer parte da minha estante.

Apesar da personagem principal não ter me cativado nem no início, nem no decorrer da história, eu gostei do livro de um modo geral. O mistério em torno das mortes despertou curiosidade e a leitura é prazerosa. Recomendo.

Conheça a sinopse:

Maya Stern é uma ex-piloto de operações especiais que voltou recentemente da guerra. Um dia, ela vê uma imagem impensável capturada pela câmera escondida em sua casa: a filha de 2 anos brincando com Joe, seu falecido marido, brutalmente assassinado duas semanas antes. 
Tentando manter a sanidade, Maya começa a investigar, mas todas as descobertas só levantam mais dúvidas. 
Conforme os dias passam, ela percebe que não sabe mais em quem confiar, até que se vê diante da mais importante pergunta: é possível acreditar em tudo o que vemos com os próprios olhos, mesmo quando é algo que desejamos desesperadamente? 

Para encontrar a resposta, Maya precisará lidar com os segredos profundos e as mentiras de seu passado antes de encarar a inacreditável verdade sobre seu marido – e sobre si mesma.
0

0 comentários:

Postar um comentário