Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2021

Resenha sobre o livro Meu amor absoluto

Imagem
  É preciso ter estômago para ler esse livro, sabe? Porque ler sobre abuso sexual já é difícil. E ler sobre abuso praticado pelo próprio pai é muito, muito repugnante. No entanto, surpreendi a mim mesma lendo esse livro até o final porque eu queria saber como a história iria terminar. Turtle é uma garota de 14 anos que mora sozinha com o seu pai, que é louco, louco demais, do tipo que aparenta ser normal, mas que só quem convive sabe. Martin, o pai de Turtle, é um sujeito traumatizado. O autor não explora os motivos do personagem ser como é, apenas dá uma pincelada sobre a possível vida que ele teve, já que o pai de Martin, foi veterano de guerra e o Martin o acusa de não ser um santo.  Só que o avô de Turtle é bondoso com ela. Então, no presente, ele é um sujeito pacífico. Bebe muito, mas não é agressivo. É um bom avô. Mas, dá para entender no decorrer da história, que ele não foi bom para o Martin.  Martin vive recluso com a filha em uma casa afastada de todo mundo, tipo uma floresta

Resenha sobre o livro Desejo: dê uma mordida

Imagem
  Romance adolescente e com vampiros? Adoro! Leio essas histórias para fugir um pouco da realidade. Elas são uma excelente distração.  Eu não conhecia os livros da Tracy Wolff. Ela já escreveu bastante coisa e ainda bem que resolveu incluir em seu trabalho uma série maravilhosa sobre vampiros e outros personagens sobrenaturais.  Desejo: Dê uma mordida fala sobre Grace, uma adolescente que acabou de perder os pais e teve que se mudar para o Alaska para morar com o tio e uma prima. O tio de Grace é diretor de uma escola um pouco incomum porque os alunos são... digamos... elitistas demais, do ponto de vista da Grace. O que ela não percebe. Aliás, demora quase o livro inteiro para perceber, mesmo com todos os sinais, é que esses alunos são sobrenaturais. Bruxas, dragões, lobos, metamorfos, vampiros... coitada da Grace. Logo quando ela chega na escola, um dos alunos, Jaxon, tenta intimidá-la e a avisa para ir embora. É claro que ela não vai. É claro que ele é o "garoto perigoso".