Resenha sobre o livro My life in Shambles


Olá, Apreciadores da leitura!

A resenha de hoje é de um livro que ainda não foi publicado no Brasil. Hello, editoras! Fica a dica! Pelo que pesquisei o único livro da autora publicado no Brasil foi Se nada der certo até os 30, você se casa comigo? Tenho esse livro aqui comigo, qualquer hora leio.

My life in Shambles foi um livro que escolhi ler por causa da capa. Linda demais, não? Baixei pelo Kindle Unlimited, li uns dois ou três capítulos e dei uma looonga pausa na leitura. É que meu Inglês não é muito bom e eu ainda sofro um pouquinho para ler, mas estou insistindo nisso até melhorar. E a boa notícia é, depois desses capítulos, a leitura fica tão maravilhosa que é impossível largar!

Valerie está vivendo um momento difícil em sua vida. Ela terminou o noivado, com isso teve que sair do apartamento do noivo e ficar sem onde morar. Vai para casa dos pais, onde não se sente bem, pois sua mãe lhe diz o tempo inteiro que ela está gorda, etc. etc. só vê defeitos nela. É época de Natal e as irmãs de Valerie também vão para casa dos pais. As irmãs de Valerie são umas figuras! As três se divertem muito juntas. Elas convidam Valerie para ir com elas para uma viagem à Irlanda. Valerie reluta, mas depois que descobre que também perdeu o emprego, resolve dizer sim a novas aventuras. Aliás, essa se torna sua resolução de Ano Novo.

Na Irlanda, Valerie está em um bar com suas irmãs e nota um homem lindo e solitário em um canto. Solitário em seu semblante, porque na verdade as mulheres estão caindo em cima dele e ele dispensa todas. As irmãs de Valerie a desafiam a ir até ele. Mesmo relutante, Valerie vai e é rejeitada também. Só que Padraig (adorei esse nome, embora tenha certeza de que não sei pronunciar corretamente) percebe que ela é diferente das demais e vai até ela depois se redimir de sua grosseria.

Os dois passam uma noite juntos e depois Padraig faz uma proposta a ela: ir com ele até Shambles, onde sua família mora e fingir para todos que eles estão noivos. Isso para alegrar um pouco o pai dele, que está morrendo de câncer.

Até aí você pode achar que o livro é mais uma história louca com um casal vivendo uma aventura, mas não é só isso. A história de Padraig é interessante e triste. O relacionamento com o pai dele é bem difícil. Eles tiveram muitas perdas. os dois se amam muito, mas não sabem como demonstrar isso ao outro. Algumas cenas envolvendo os dois são lindas de se ler. E, no momento atual, Padraig também está com um problema imenso. Ele é jogador profissional de Rugby. Ele é muito famoso na Irlanda, coisa que Valerie nem sabia, já que ela é americana e não se interessava por jogos. E o problema de Pagraig fez com que ele estivesse afastado dos jogos, o que era bem difícil para eles.

O relacionamento de Valerie com a mãe também tinha uma história triste. Em um determinado momento, as duas tiveram que resolver isso. 

O livro tem cenas de sexo, linguagem inapropriada, mas, se você ignorar isso, coisa que faço frequentemente quando leio livros assim, dá para tirar uma boa lição de tudo. 

Padraig é um fofo na maioria das vezes. Ele tem um lado brutal, mas sabe ser fofo também.

"Look, if ye want me to wax poetic about how you're more significant than every star in the sky, I can do that..." Padraig 

Outra frase que virou algo pessoal deles e eu amei foi:

"Tell me you love me. Tell me you love me and I'll tell ye I love you more."

São uns fofos!

Em breve teremos a resenha de Eleanor & Grey, que também não foi publicado no Brasil, mas tem grandes chances já que a autora, Brittainy Cherry, já tem vários livros publicados por aqui. 

My life in Shambles pode ser adquirido através deste link.

Leia também: Church

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Menestrel - William Shakespeare

Resenha do livro O Conde de Monte Cristo

A arte de perder - Elizabeth Bishop